Tag Archive : contos

Memórias póstumas de um filho pródigo

Isolado no mais profundo nível da solidão experimentei o sabor amargo de meu desespero. Quão horrendo me era ao paladar da alma o gosto deplorável do erro. Como se derramam rapidamente as areias finas de uma ampulheta, assim também se derramavam minhas lagrimas escorrendo de meus olhos jorrando direto das profundezas de minhas emoções. Lágrimas cheias de significado, tais como: desespero, remorso, arrependimento, algumas até de alivio, menos de felicidade. Esta já havia partido e pensei que nunca mais voltaria.
O que me restava era apenas uma sensação de perda irreparável e de desprezo que se misturava com um som assombro de gritos de luto por um sonho já acabado pelo meu próprio punho.
O desespero era tão grande, a fome por alivio tão intensa que chegava por vezes a des… Continue Reading Memórias póstumas de um filho pródigo